Uma questão emocional: Cordão "Extra" Umbilical

Confesso que praticamente todos os finais de dia eu me sinto exatamente assim.. "Não cortaram esse cordão não?!"


E aí eu me pergunto 'Onde foi que eu amarrei meu burro?'... Será que eu deveria ter largado mais? 
Já faz mais de um mês que o Gu não fica mais que alguns poucos metros de distância de mim, 24h por dia.. Antigamente ele curtia muito descer pra brincar com o papai, até ir à padaria buscar pão.. Passava a tarde na casa da vovó.. Do dia pra noite, sem nenhum motivo aparente, ele praticamente morre se eu saio do campo de visão dele. Não adianta deixar chorar, tentar distrair, ele não arreda o pé do escândalo. 


Outro dia desci pra pegar uma correspondência, voltei em 3min e já do elevador podia ouvir os berros. Quando cheguei, ele tossia tanto, estava tão nervoso que até vomitou.
Agora é assim.. Ninguém o faz dormir, ninguém o leva pra passear.. Até o banho com o papai é sob protesto.. Daí eu me questiono onde errei.. Deveria ter dado mamadeira? Deveria ter deixado passar a noite fora de casa? E se tivesse ido pra escolinha? 
É tão difícil, a gente tenta fazer o que julgamos ser o melhor para eles... Será que isso está estragando?
A questão não é dar tudo o que ele quer, temos muitos limites aqui. Eu sei que tem a fase em que ele percebe que não somos um só corpo.. Mas não sei o que fazer para ajudá-lo! Já tentei terapia de choque e não consigo deixá-lo chorar enquanto outra pessoa, até mesmo o papai, o leva embora, pq depois ele volta ainda pior, com medo, desesperado, a ponto de grudar no meu pescoço e soluçar de pavor.
Hoje eu passei o dia desejando estar em um chalé, na beira de um lago, completamente sozinha e só voltar dali um ou dois dias.. Mas eu sei que hoje estou cansada, exausta e que quando me deitar e descansar acordarei renovada e pronta, eu sei...
#desabafosdemae

Comentários

  1. Realmente não é fácil esse grude, a gente reclama mas quando eles dormem morremos de saudades #asmaessaomeiomalucas rs.
    Mas é importante pra eles e para nós ficarmos sozinhas (os) né?
    leio muito sobre isso tbm e o que mais leio é ir se afastando aos poucos. Estão juntos no quarto brincando, vai saindo até ficar na sala e ele no quarto, ou na cozinha e ele na sala.
    Vai dando essas escapadinhas quando ele não vê e ai continuara brincando e você por ali em outro cômodo.
    Se ele chamar ai diz: Mamãe já vai... ou Mamãe vai beber água (e bebe pra não mentir rs), comigo funciona... e ninguém sofre...
    Beijinhos

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Instagram

Postagens mais visitadas