Amamentar deitada... Pode?

Essa ilustração me inspirou a escrever o post de hoje!

Desde que viemos pra casa amamento o Gustavo deitada, principalmente a noite ou se estou muito cansada..
Como já comentei no post sobre cama compartilhada, nos primeiros dias em casa sofri com dores nos pontos da episiotomia e só conseguia sentar de ladinho e foi aí que passei a amamentar deitada...
Posso dizer que é uma maravilha pra mim pois na madrugada eu só levanto, pego o baby, deito de volta e enquanto ele mama eu continuo a dormir...
No Instagram do @mamaedecasa uma seguidora perguntou se amamentar deitada dá otite e aí eu respondo..

Não... "Amamentar deitada provoca otite" é um mito [assim como aqueles que ouvíamos na adolescência de que não pode lavar o cabelo quando está menstruada].
Mas isso só vale pra amamentação do peito, ok?! 
O leite materno é um excelente inibidor da formação de bactérias. Já os leites artificiais incentivam a proliferação de bactérias.


O meu filhote tem refluxo e ainda assim a pediatra dele deixa amamentar deitada, desde que com o travesseiro anti refluxo embaixo.

No Livro 'Maternagem' conta como é diferente a amamentação no seio da mãe  na mamadeira e dá uma dica de como amamentar deitada, transformando esse momento em um momento de descanso, relaxamento e de aproximação entre mãe e bebê.
"Sugar o leite do peito e tomar mamadeira são coisas diferentes, porque a boca do bebê forma um todo com o seio, trabalhando harmonicamente na propulsão do leite. A mãe pode colocar o braço embaixo da cabeça dele ou usar um pequeno travesseiro, para uma inclinação razoável." (BUENO, 2012, p. 140)

Então está aí... Deixe esse mito de lado e curta muito esse momento maravilhoso com o seu pequenininho!!

Comentários

  1. Com a Manu eu amamentava assim, mas com a Sofia eu nunca tentei.. nem lembrava mais dessa posição. Vou testar.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Instagram

Postagens mais visitadas